24.10.09

Fotografia do casório - Momentos marcantes

3 comentários:

Flor disse...

Nunca Fui Santa

Composição: Rita Lee

Nunca fui santa
Nunca fui boba
Entro num mantra
Caio de boca

Nunca soube dizer
De onde vim
Nem pra onde vou
Vivo nesta terra em transe
Cheia de sol
Cheia de horror

Já pulei do abismo
Já fiz muito amor
Eu perco o juízo
Sem nenhum pudor

Meu bem, eu amo você
Te odeio
Vivo neste mondo cane
Cheio de vinho
Cheio de sangue

Sou nova demais pra velhos comícios
Sou velha demais pra novos vícios...

Denise disse...

Ri um tanto
Imagina alguem tão sincero assim rs
Se formos ver....bem de perto ninguem é normal

carinho

Vicente Portella disse...

Oi Denise,

Essa coisa de "de perto" ninguém ser normal é o que torna as coisas interessantes. Até porque a normalidade é muito monótona, creio....rs

Beijo pra tu.